A ADUERN foi fundada em 1980, quando um grupo de professores da então FURRN teve a idéia de criação de uma entidade que lutasse pelos direitos da categoria. Àquela época a instituição não repassava um salário fixo aos professores e muitas vezes atrasava o pagamento das horas de trabalho. Foi feita, então, uma convocação para uma reunião: “Os professores se convocam” era o nome do documento. No dia 11 de setembro de 1980, a categoria se reuniu, sob a presidência do professor Pe. Sátiro Cavalcante e deliberaram pela criação da ADFURRN.

De 1980 até 2010 a ADFURRN, hoje ADUERN, foi determinante para as conquistas da categoria docente da UERN. Além disso, a entidade ainda participou de momentos muito importantes na história da instituição. Até 1987, época em que a universidade era municipal e os estudantes pagavam por seus estudos na instituição, o sindicato conseguiu vários ganhos para os docentes como o 13º salário, anuênio, início do processo de democratização da universidade, adicional de incentivo às atividades docentes etc.

Ainda nesse período, a ADUERN participou ativamente do Projeto Emergência, que tinha como objetivo buscar recursos para o financiamento da UERN. Nessa época, a instituição passava por um momento de crise profunda. Foi do Projeto Emergência que saiu a ideia da estadualização, o que ocorreu em 1987. Depois disso, alguns problemas da Universidade e de seus professores foram resolvidos. Outro momento em que a participação do Sindicato foi determinante foi o Processo Estatuinte.

Depois vieram muitas outras conquistas: Plano de Cargos e Salários, Defesa da Dedicação Exclusiva como Regime de Trabalho, reformulação do Estatuto da UERN, conquistas salariais e a valorização do professor aposentado através de criação de setor específico. Além dessas, o Sindicato conseguiu adquirir sua sede própria e construiu sua Área de Lazer. Ainda ampliou os benefícios e assistência para os sindicalizados através de convênios e serviços como a Assessoria de Comunicação e Assessoria Jurídica.

A história da ADUERN mostra que, desde a sua fundação, a entidade assumiu a luta em defesa da valorização do trabalho docente, o que inclui também a defesa pela Universidade pública, gratuita e de qualidade.

MISSÃO

Representar, lutar e defender os direitos da categoria docente da UERN.

VISÃO

A ADUERN almeja que a categoria docente conquiste melhores condições de trabalho, que seja valorizada e que a Universidade brasileira seja realmente pública, gratuita, autônoma, democrática e de qualidade.

VALORES

A luta intransigente pela valorização do trabalho docente e pela Universidade pública, gratuita, autônoma, democrática e de qualidade.

A colaboração com demais entidades sindicais que defendem categorias trabalhadoras.

O auxílio para atividades culturais e acadêmico-científicas de toda a comunidade.

O respeito aos empregados e oferecimento de um bom ambiente de trabalho, respeitando todos os aspectos legais.

O respeito ao meio-ambiente em todas as atividades promovidas na e pela instituição.